Glitter Text
Glitter Text












O RELÓGIO DA PAIXÃO
DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO

14:00 ÀS 15:00 hs. JESUS MORRE NA CRUZ.

Em verdade, ele tomou sobre si nossas enfermidades, e carregou os nossos sofrimentos: e nós o reputávamos como um castigado, ferido por Deus e humilhado. Mas ele foi castigado por nossos crimes, e esmagado por nossas iniqüidades; o castigo que nos salva pesou sobre ele; fomos curados graças às suas chagas. (Is 53, 4-5)

A QUINTA PALAVRA

Estendo para vós os braços; minha alma, como terra árida, tem sede de vós. Apressai-vos em me atender, Senhor, pois estou a ponto de desfalecer... (Sal 142, 6-7)

Em seguida, sabendo Jesus que tudo estava consumado, para se cumprir plenamente a Escritura, disse: Tenho sede. (Jo 19,28)

O VINAGRE

Na Minha sede deram-ME vinagre” (Sal 69, 22)

Havia ali um vaso cheio de vinagre. Os soldados encheram de vinagre uma esponja e, fixando-a numa vara de hissopo, chegaram-lhe à boca. (Jo 19, 29)

A SEXTA PALAVRA

“... e por meio Dele o desígnio de DEUS há de triunfar”. (Is 53, 10)

Havendo Jesus tomado do vinagre, disse: Tudo está consumado. (Jo 19, 30)

RASGOU O VÉU DO TEMPLO

Cristo, Sumo Sacerdote dos bens vindouros... Com seu próprio sangue, entrou de uma vez por todas no santuário, adquirindo-nos uma redenção eterna. (Heb 9, 11-12)

O véu do templo rasgou-se então de alto a baixo em duas partes. (Mc 15, 38)

A SÉTIMA PALAVRA DE JESUS NA CRUZ

Mas eu, confiado na vossa justiça, contemplarei a vossa face; ao despertar, saciar-me-ei com a visão de vosso ser. (Sal 16, 15)

“Jesus deu então um grande brado e disse: Pai, nas tuas mãos entrego o meu espírito.” (Lc 23, 46)

A MORTE DE JESUS

...Cristo morreu uma vez pelos nossos pecados - o Justo pelos injustos - para nos conduzir a Deus. Padeceu a morte em sua carne. (1 Ped 3, 18)

Jesus de novo lançou um grande brado, e entregou a alma. (Mt 27, 50)

“Nisto conhecemos o amor: ELE deu a sua vida por nós.” (1 Jo 3, 16)

“Inclinou a cabeça e rendeu o espírito.” (Jo 19, 30)


Pai Nosso..., Ave Maria..., Glória ao Pai...
Pela sua dolorosa Paixão; tende Misericórdia de nós e do mundo inteiro.
Meu Jesus, perdão e Misericórdia, pelos méritos de Vossas santas Chagas.

(Silêncio profundo...)

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Terço de Santos Reis



Os Santos Reis nos convidam: "Vimos a Estrela de Belém! Vamos adorar o Menino Deus!" "Abri as portas ao Salvador! É de paz que Ele vem falar!"

Creio em Deus Pai, Pai Nosso, (três) Ave-Marias e Glória ao Pai.

Primeiro Mistério: no primeiro mistério contemplamos como a Estrela do Oriente apareceu aos Reis Magos e lhes serviu de guia no caminho a Belém, ao encontro do Menino Jesus.
– Rezemos para que a Estrela da Fé brilhe para todos os cristãos que andam frios e indiferentes (sem interesse) na fé, para que voltem à Santa Igreja fundada por Cristo

Pai Nosso, (dez) Ave-Marias e Glória ao Pai.

Segundo Mistério: no segundo mistério contemplamos como a Estrela perdeu o seu brilho ao chegar a Jerusalém; e os Reis Magos, confusos, procuram informações no Palácio de Herodes.
– Rezemos para que a Estrela da Esperança volte a brilhar para todos os desempregados e para todos os que sofrem doenças, dores, solidão, tristeza, abandono, perseguição, violência ou injustiças.

Pai Nosso, (dez) Ave-Marias e Glória ao Pai.

Terceiro Mistério: No terceiro mistério contemplamos como a Estrela surgiu, após os Reis Magos terem passado por Jerusalém, e seguia diante deles, até que chegando parou sobre o lugar onde estava o Menino Jesus.
– Rezemos por nossos lares e famílias para acolham, em todos os dias do ano, o Menino e o seu Santo Evangelho, superem as brigas e cresçam na harmonia, na concórdia e na paz.

Pai Nosso, (dez) Ave-Marias e Glória ao Pai.

Quarto Mistério: No quarto mistério contemplamos como os Reis Magos entraram na casa onde estava o Menino com sua Mãe, Maria Santíssima e, prostrando, o adoraram e abrindo seus tesouros ofereceram como presentes: ouro, incenso e mirra.
– Rezemos para que todos os batizados ofereçam os seus dons para o serviço da comunidade para que façamos da cidadania uma manifestação de nossa fé e de nosso amor.

Pai Nosso, (dez) Ave-Marias e Glória ao Pai.

Quinto Mistério: no quinto mistério como os Reis Magos foram avisados por Divinas Revelações, para que não voltassem a Herodes e seguissem para sua terra por outro caminho.
– Rezemos por todos os jovens para que voltem para o Bom Caminho e os valores recebidos no berço de suas famílias, se afastem das drogas e de todo o tipo de pecado e se engajem nas pastorai, nos movimentos da Igreja e nos grupos culturais e de serviço que promovem a vida, com dignidade e esperança, de todos e para todos.

Pai Nosso, dez Ave-Marias e Glória ao Pai.

(Autor: Pe. Pedro Gondim - Diocese de Valença –RJ)

2 comentários:

Anônimo disse...

Olha,terminei de rezar o Terço de Santos Reis.Achei muito importante o modo de contemplar os mistérios. vou tentar salvar para mostrar para as pessoas , e também para rezarmos quando formos em Festas es Reis.

vitoria souza disse...

Adorei muito este grandioso gesto de contemplar os mistérios sagrados do terço de Santos Reis espero que todos tambem adorem por que é muito importante.
adoro Santos Reis!!!Santos milagrosos.
Amén...